• Cirurgia Veterinária – Técnica, Clínica e Patologia
    Repercussões dos trabalhos do grupo

    Estudo de Aspectos relacionados à Cirurgia Veterinária. – Caracterízação epidemiológica e anatomopatologica das diferentes afecões clínico-cirúrgicas dos animais domésticos. – Desenvolvimento de Métodos de esterilização quimica e cirúrgica para o controle populacional de cãe e gatos; Desenvolvimento e aperfeiçoamento de Técnicas Cirúrgicas em tecidos moles e ósseos; – Estudo de biomateriais para uso cirúrgico; – Desenvolvimento de técnicas de ensino da cirurgia e métodos substitutivos

    Biotecnologia Aplicada à Terapêutica Veterinária
    Repercussões dos trabalhos do grupo

    A proposta do grupo, ao desenvolver estudos sobre a aplicação de ferramentas e inovações biotecnológicas na terapia de doenças que acometem animais de companhia, é ampliar a disponibilidade de métodos terapêuticos para a resolução de enfermidades que também servem como modelo para a medicina humana. Os resultados dessas investigações poderão gerar conhecimentos e produtos biotecnológicos aplicáveis tanto a intervenções terapêuticas na rotina da medicina veterinária, quanto na pesquisa, criando modelos úteis na resolução de doenças degenerativas, infecciosas, neoplásicas, congênitas e imunomediadas comuns aos seres humanos e aos animais de companhia. Conforme determinação da OIE, o bem-estar animal é uma área fundamental de conhecimento da medicina veterinária e medicina da conservação, que permeia todos os aspectos da interação homem-animal-ambiente e saúde pública. O estabelecimento de parâmetros objetivos indicadores de bem-estar animal será uma contibuição fundamental decorrente da aplicação da biotecnologia: recursos biotecnológicos das áreas de imunologia e neurociências serão aplicados em estudos de correlação com métodos de biofísica diagnóstica a avaliação do comportamento na determinação das consequência das intervenções humanas e fenômentos naturais na saúde animal.

    Cirurgia Experimental
    Repercussões dos trabalhos do grupo

     

    Biotecnologia Aplicada à Terapêutica Veterinária
    Repercussões dos trabalhos do grupo

    A proposta do grupo, ao desenvolver estudos sobre a aplicação de ferramentas e inovações biotecnológicas na terapia de doenças que acometem animais de companhia, é ampliar a disponibilidade de métodos terapêuticos para a resolução de enfermidades que também servem como modelo para a medicina humana. Os resultados dessas investigações poderão gerar conhecimentos e produtos biotecnológicos aplicáveis tanto a intervenções terapêuticas na rotina da medicina veterinária, quanto na pesquisa, criando modelos úteis na resolução de doenças degenerativas, infecciosas, neoplásicas, congênitas e imunomediadas comuns aos seres humanos e aos animais de companhia. Conforme determinação da OIE, o bem-estar animal é uma área fundamental de conhecimento da medicina veterinária e medicina da conservação, que permeia todos os aspectos da interação homem-animal-ambiente e saúde pública. O estabelecimento de parâmetros objetivos indicadores de bem-estar animal será uma contibuição fundamental decorrente da aplicação da biotecnologia: recursos biotecnológicos das áreas de imunologia e neurociências serão aplicados em estudos de correlação com métodos de biofísica diagnóstica a avaliação do comportamento na determinação das consequência das intervenções humanas e fenômentos naturais na saúde animal.